Home | Plataforma CSCS | Webmail | Documentos | Dúvidas Frequentes | Facebook | Instagram | Fale Conosco
HOME | INSTITUCIONAL | ASSOCIE-SE JÁ! | SERVIÇOS OFERECIDOS | HOTÉIS DE TRÂNSITO | REGIONAIS | POUSADAS | CASA DE APOIO | PROTEÇÃO AUTOMOTIVA | JURÍDICO | FALE CONOSCO | CSCSTV (vídeos)
img
img
img
Nome:
Email:
Confirme seu cadastro:
Nome:
(DDD)
Confirme seu cadastro:
Bombeiros salvam garoto de 16 anos que ficou preso em torre de telefonia
Publicado em 28/01/2021 13:01

Rapaz não conseguiu descer da torre sozinho e ficou preso até esta manhã.

(Foto: CBMMG/Divulgação)

Uma equipe do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais conseguiu salvar a vida de um adolescente de 16 anos, que ficou preso no topo de uma torre de telefonia no Centro-Oeste do estado. O garoto subiu a uma altura de 80 metros ainda na madrugada desta quarta-feira (27) e passou horas lá, até que moradores da região ouviram gritos de socorro e acionaram os militares, que conseguiram resgatá-lo no início da manhã.

De acordo com a corporação, os bombeiros receberam informações de que o rapaz teria subido na torre de telefonia, que fica no município de Martinho Campos, e não conseguia descer sozinho. Testemunhas relataram que, por volta das 4h30 da madrugada, começaram a ouvir gritos de socorro vindos do local onde ficava a torre. Preocupados, eles decidiram acionar a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros.

Quando chegaram ao local, já no início da manhã, os bombeiros constataram que havia de fato uma pessoa no alto da torre. Parte da equipe subiu até o local em que ele estava e encontrou o rapaz consciente e amarrado por uma fita de náilon. Ele relatou às autoridades que havia encontrado a fita na própria torre e decidiu amarrá-la em volta do punho.

O garoto contou ainda que havia subido na estrutura em uma tentativa de atentar contra a própria vida, mas desistiu e não conseguiu mais descer sozinho. Os bombeiros utilizaram técnicas de salvamento em altura parar ancorar o rapaz e ajudá-lo a descer em segurança até o solo.

Sem ferimentos, ele foi entregue aos cuidados da mãe, que informou que o filho sofre de transtornos psicológicos.

Prevenção

Ligações para o Centro de Valorização da Vida (CVV), que auxilia na prevenção do suicídio, passaram a ser gratuitas em todo o país em julho do ano passado. Um acordo de cooperação técnica com o Ministério da Saúde, assinado em 2017, permitiu o acesso gratuito ao serviço, prestado pelo telefone 188.

Por meio do número, pessoas que sofrem de ansiedade, depressão ou que correm risco de cometer suicídio conversam com voluntários da instituição e são aconselhados. O serviço funciona ininterruptamente, 24 horas por dia, oferecendo um espaço seguro, gratuito e totalmente sigilosos para pessoas que precisem ou desejem conversar. Além do telefone, o atendimento também é feito por meio de chat, no site do CVV (acesse aqui).

A ligação gratuita para o CVV começou a ser implantada em Santa Maria (RS), há oito anos, após o incêndio na boate Kiss, que matou 242 jovens no dia 27 de janeiro de 2013. O centro existe há 55 anos e tem mais de 2 mil voluntários atuando na prevenção ao suicídio. A assistência também é prestada pessoalmente e por e-mail.

Fonte: Giovanna Fávero - Bhaz

Redes Sociais
Centro Social dos Cabos e Soldados PM/CBM-MG - Rua Dom Oscar Romero, nº 500 - Belo Horizonte - Minas Gerais
Central de atendimento ao Sócio cscs@cscs.org.br | Fone Sede Social: (31) 3371-6563
© 2021 | Assessoria de Comunicação - CSCS PMCBM-MG