Home | Plataforma CSCS | Webmail | Documentos | Dúvidas Frequentes | Facebook | Instagram | Fale Conosco
HOME | INSTITUCIONAL | ASSOCIE-SE JÁ! | SERVIÇOS OFERECIDOS | HOTÉIS DE TRÂNSITO | REGIONAIS | POUSADAS | CASA DE APOIO | PROTEÇÃO AUTOMOTIVA | JURÍDICO | FALE CONOSCO | CSCSTV (vídeos)
img
img
img
Nome:
Email:
Confirme seu cadastro:
Nome:
(DDD)
Confirme seu cadastro:
Polícia investigará sangue em apartamento após queda e morte de criança
Publicado em 20/08/2020 14:08

A polícia acredita que o fato foi um acidente.

(Foto: CBMMG/Divulgação)

A Polícia Civil acredita que o caso do menino de 9 anos que morreu ao cair do quarto andar de um prédio, na manhã desta quarta-feira (19), no bairro Santa Lúcia, na região Centro-Sul de BH, possa ser um acidente.

 

O delegado responsável pelas investigações, Vinícius Dias, afirmou em entrevista coletiva que a criança estava trancada no quarto quando o acidente ocorreu. Segundo ele, o menino “arrastou a cadeira para próximo da janela e cortou parte da tela com uma tesoura escolar e, ao colocar a cabeça para fora, teria se desequilibrado e caído de uma altura de 13 metros”.

 

Ainda de acordo com o delegado, preliminarmente, foi constatado que o garoto teria caído e não se jogado. “De acordo com o diâmetro da fissura na janela e da mecânica da queda foi constatado, preliminarmente, que ela [criança] não teria se jogado, ela teria caído. Ela não utiliza anteparos. Ela não utiliza a mão, utilizou o pé”, explica.

A queda aconteceu por volta das 10h30 de hoje (19), em um prédio na avenida Arthur Bernardes, próximo à Barragem Santa Lúcia. Segundo o Corpo de Bombeiros, um médico que passava pelo local já havia atestado o óbito da criança quando os militares chegaram.

 

Motivo

O delegado disse ainda que a empregada contou que mais cedo teria presenciado uma briga entre mãe e filho. A mãe teria retirado o computador do garoto e ele não concordou. Após a mãe sair para levar avó do menino ao médico, ele teria tentado fugir do apartamento, mas o porteiro impediu. Em seguida, ele se trancou no quarto e arrastou a cadeira para perto da janela. No momento do acidente, a empregada estava na cozinha fazendo almoço. O porteiro chamou no interfone e contou que o menino tinha caído.

 

Empregada

A polícia descarta participação da empregada no ocorrido e negligência. “Ela contou que a criança não queria diálogo. Queria o quarto como abrigo. Inicialmente eu não parto para essa linha não. Não foi descuido. Ela ficou muito abalada. Ela tinha muito carinho pela criança”, afirma o delegado. A mulher já foi ouvida na delegacia. A previsão é que os pais do garoto sejam intimados no final desta semana ou no início da próxima.

 

Gotas de sangue

Na cozinha do apartamento foram encontradas gotas de sangue, mas a polícia ainda não sabe dizer a quem pertence. “No momento em que a criança saiu, a empregada estava fazendo comida. Não dá para dizer se as gotas de sangue são da criança, da empregada ou da carne. Primeiro, temos que verificar se é sangue humano e a origem, se é da empregada, do menino ou das pessoas que estavam na residência”, conclui o delegado.

Fonte: Marcela Gonzaga - Bhaz

MAIS NOTÍCIAS
O Governo de Minas Gerais dá aumento ao judiciário e calote na Segurança Pública

A notícia divulgada nesta última quinta-feira (7) do novo projeto de lei, sancionado pelo Governador de Minas, Romeu Zema, em recalcular base do terço de férias para juízes e desembargadores, sendo previsto...Leia mais.

PMMG anuncia as ações de segurança no Carnaval 2021

A notícia divulgada nesta última quinta-feira (7) do novo projeto de lei, sancionado pelo Governador de Minas, Romeu Zema, em recalcular base do terço de férias para juízes e desembargadores, sendo previsto...Leia mais.

Atuação do CBMMG durante intensas chuvas em Minas foi essencial para poupar vidas

A atuação dos militares converge e reflete a busca incessante da corporação pela segurança e preservação da população mineira, nas situações de catástrofe e...Leia mais.

12ª Cia PMMG apreende 689 kg de maconha e crack no município de Antônio Dias

Nesta segunda-feira (08), polícia militar da 12ª Cia MAMB prendeu homem suspeito de tráfico ilícito de drogas no município de Antônio Dias, Região metropolitana do Vale do Aço em Minas Gerais e...Leia mais.

Bombeiros encontram corpo de motorista que teve carro arrastado e caiu em rio

(Foto: Corpo de Bombeiros/ Divulgação)

Os bombeiros encontraram o corpo de um motorista que teve o carro arrastado enquanto atravessava uma ponte sobre o Rio Mosquito, em Porteirinha, no Norte de Minas. As buscas...Leia mais.

VER TODAS AS NOTÍCIAS
Redes Sociais
Centro Social dos Cabos e Soldados PM/CBM-MG - Rua Dom Oscar Romero, nº 500 - Belo Horizonte - Minas Gerais
Central de atendimento ao Sócio cscs@cscs.org.br | Fone Sede Social: (31) 3371-6563
© 2021 | Assessoria de Comunicação - CSCS PMCBM-MG