Home | Plataforma CSCS | Webmail | Documentos | Dúvidas Frequentes | Facebook | Instagram | Fale Conosco
HOME | INSTITUCIONAL | ASSOCIE-SE JÁ! | SERVIÇOS OFERECIDOS | HOTÉIS DE TRÂNSITO | REGIONAIS | POUSADAS | CASA DE APOIO | PROTEÇÃO AUTOMOTIVA | JURÍDICO | FALE CONOSCO | CSCSTV (vídeos)
img
img
img
Nome:
Email:
Confirme seu cadastro:
Nome:
(DDD)
Confirme seu cadastro:
Dez barracões são destruídos em incêndio na Pedreira Prado Lopes, em BH
Publicado em 10/06/2020 16:06

Incêndio começou na madrugada desta quarta-feira (10), e a Polícia Militar foi acionada para apoiar a ação do Corpo de Bombeiros; ninguém se feriu.

(Foto: Alex de Jesus / O Tempo)

Dez barracos de madeira ficaram destruídos após serem consumidos em um incêndio que começou na madrugada desta quarta-feira (10) na Pedreira Prado Lopes, na região Noroeste de Belo Horizonte. Moradores da rua Pedro Lessa acionaram o Corpo de Bombeiros pouco depois de 3h, quando um primeiro rastro de fumaça começou a sair de um dos barracões. Logo em seguida, o fogo transpôs os limites do imóvel e atingiu outros nove barracões existentes ali. De acordo com os militares, ninguém se feriu. O rescaldo ainda era feito nesta manhã.

Moradores relataram à Polícia Militar, acionada para apoiar a ocorrência, que perceberam a presença de três pessoas com atitudes suspeitas na rua minutos antes do incêndio. Outros comentam que o fogo teria começado após uma briga de casal. Ainda não há detalhes a respeito do que causou o início das chamas ou detidos até o momento. O fogo atingiu parte da fiação da rede elétrica instalada na rua e a Cemig precisou ser acionada para desligar a energia na região com o intuito de evitar explosões. A perícia da Polícia Civil também foi chamada para analisar o cenário.

Pai de duas meninas, Elton Rodrigues é morador de um dos barracões parcialmente destruídos pelas chamas. Ele conta que acordou assustado durante a madrugada e pensou que as chamas fossem acabar rapidamente – segundo o morador, um casal que vive em um dos imóveis costuma incendiar objetos após discussões.

“Acordei de madrugada, os vizinhos gritando que estava pegando fogo. Eu olhei e tinha só uma beiradinha de fogo, como tem costume de eles (o casal) brigarem e colocar fogo eu achei que fosse apagar. Quando assustei, as chamas começaram a ficar muito altas, alastrar, eu só peguei as minhas filhas, deixei a casa… Como não conseguia sair pela entrada principal, precisava pular pela casa das pessoas para chegar na rua de trás”, comenta. Ainda nesta quarta-feira ele retornou para casa para avaliar o estrago. Parte do teto do imóvel desabou e alguns eletrodomésticos como a geladeira e o fogão foram atingidos.

Fonte: Lara Alves – O Tempo

Redes Sociais
Centro Social dos Cabos e Soldados PM/CBM-MG - Rua Dom Oscar Romero, nº 500 - Belo Horizonte - Minas Gerais
Central de atendimento ao Sócio cscs@cscs.org.br | Fone Sede Social: (31) 3371-6563
© 2021 | Assessoria de Comunicação - CSCS PMCBM-MG