Home | Plataforma CSCS | Webmail | Documentos | Dúvidas Frequentes | Facebook | Instagram | Fale Conosco
HOME | INSTITUCIONAL | ASSOCIE-SE JÁ! | SERVIÇOS OFERECIDOS | HOTÉIS DE TRÂNSITO | REGIONAIS | POUSADAS | CASA DE APOIO | PROTEÇÃO AUTOMOTIVA | JURÍDICO | FALE CONOSCO | CSCSTV (vídeos)
img
img
img
Nome:
Email:
Confirme seu cadastro:
Nome:
(DDD)
Confirme seu cadastro:
Sombrinha em mãos! BH terá semana chuvosa; homens são levados durante temporal
Publicado em 03/02/2020 11:02

(Foto: Amanda Dias/BHAZ)

Se você ainda não saiu de casa é bom conferir se está levando a sombrinha. O motivo? A possibilidade de chuvas durante toda a semana em Belo Horizonte. Em Betim, na região metropolitana, o temporal desse domingo (2) assustou os moradores e duas pessoas chegaram a ser levadas pela enxurrada. Na capital, avenidas precisaram ser bloqueadas por conta do risco de transbordamento de córregos.

O meteorologista Cléber Souza, do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), disse ao BHAZ que a chegada de uma frente fria tem causado as chuvas. “Essa frente favorece a formação de nuvens que trazem volume significativo de chuva para a nossa região. Não há trégua de chuva durante esta semana”, ressaltou.

Ao longo desta segunda e terça as chuvas devem ocorrer na parte da tarde e noite. “A intensidade pode ser de fraca a forte. Em alguns pontos, a precipitação pode ser mais intensa, nesse domingo foi em Betim, por exemplo”, disse Cléber.

Mesmo a chuva sendo aguardada para todos os dias, é bom ficar atento com a quinta-feira (6). “O sistema mostra que de quarta a sexta as chuvas poderão acontecer a qualquer hora do dia, sendo que na quinta é esperado um volume mais significativo”. Cléber não especificou o volume, mas ressaltou que ao fim da semana pode superar os 100 mm (milímetros).

Com a semana chuvosa, a temperatura tende a apresentar queda. Se nesta segunda a máxima poderá chegar aos 32ºC, na quinta ela tende a ficar na casa dos 25ºC, o que representa uma redução de 7ºC.

Pessoas foram levadas e córregos transbordaram

Uma forte chuva foi registrada em Betim nesse domingo. Na cidade da região metropolitana, dois homens foram levados pela enxurrada, mas resgatados por moradores e militares do Corpo de Bombeiros.

O solo encharcado contribui para o desabamento de uma casa sobre outra no bairro Salomé, em Betim. Ninguém ficou ferido, apesar do susto e segundo os bombeiros os moradores da primeira casa que foi ao chão já tinham saído do local por recomendação da Defesa Civil.

Ainda na cidade da Grande BH um grupo de pessoas ficou ilhado próximo de um campo. O Corpo de Bombeiros informou que devido ao volume da água, as 20 pessoas precisaram subir para um ponto mais alto. Duas viaturas foram empenhadas no salvamento delas.

Capital

Já na capital mineira, o temporal veio na parte da noite. As regiões Noroeste e Norte foram as mais “castigadas” com ambas superando os 60 mm. A possibilidade de transbordamento dos córregos Ferrugem, Jatobá e do Ribeirão Arrudas fez a Defesa Civil emitir alerta.

A avenida Heráclito Mourão de Miranda foi interditada pelo órgão por conta do “risco alto de transbordamento do córrego Ressaca”. A avenida Tereza Cristina foi outra via que ficou com o tráfego impedido.

Apesar de fevereiro estar só começo, as regiões Centro-Sul e Oeste registraram mais da metade do volume de chuva aguardado para todo o mês. Confira o acumulado em BH:

  • Venda Nova – 25,2 (13,9%)
  • Pampulha – 55,8 (30,8%)
  • Nordeste – 20,2 (11,1%)
  • Norte – 4,6 (2,5%)
  • Leste – 18,8 (10,4%)
  • Noroeste – 87,2 (48,1%)
  • Oeste – 111,2 (61,3%)
  • Barreiro – 57,4 (31,6%)
  • Centro-Sul – 108,8 (60%)

A média climatológica para o mês é 181,4 mm.

De acordo com a Defesa Civil de Minas Gerais, 57 pessoas morreram no Estado em função das chuvas. O último óbito foi registrado em Caratinga nesse domingo.

A vítima de 38 anos estava internada desde 24 de janeiro após ser atingida por um muro que desabou. A mulher tinha estacionado o carro e quando saía do veículo foi atingida e ficou soterrada.

A vítima teve traumatismo cranioencefálico e esmagamento na perna esquerda.

Cuidados com a chuva

Durante os temporais alguns cuidados precisam ser tomados pela população. A Defesa Civil pede para evitar áreas de inundação e não trafegar em ruas sujeitas a alagamentos e próximos aos córregos e ribeirões.

Veja as orientações:

  • Não atravesse ruas alagadas ou deixe crianças brincando na enxurrada e nas águas dos córregos.
  • Não se abrigue nem estacione veículos debaixo de árvores.
  • Atenção especial em áreas de encostas e morros.
  • Jamais se aproxime de cabos elétricos rompidos. Ligue imediatamente para CEMIG (116) ou Defesa Civil (199).
  • Se você observar o aparecimento de fendas, depressões no terreno, rachaduras nas paredes das casas e o surgimento de minas d”água avise imediatamente a Defesa Civil (199).
  • Em caso de raios: não permaneça em áreas abertas e altas, não use equipamentos elétricos.

Fonte: Vitor Fórneas - Bhaz

Foto: Defesa Civil de Minas Gerais/Divulgação
Redes Sociais
Centro Social dos Cabos e Soldados PM/CBM-MG - Rua Dom Oscar Romero, nº 500 - Belo Horizonte - Minas Gerais
Central de atendimento ao Sócio cscs@cscs.org.br | Fone Sede Social: (31) 3371-6563
© 2021 | Assessoria de Comunicação - CSCS PMCBM-MG