Home | Plataforma CSCS | Webmail | Documentos | Dúvidas Frequentes | Facebook | Instagram | Fale Conosco
HOME | INSTITUCIONAL | ASSOCIE-SE JÁ! | SERVIÇOS OFERECIDOS | HOTÉIS DE TRÂNSITO | REGIONAIS | POUSADAS | CASA DE APOIO | PROTEÇÃO AUTOMOTIVA | JURÍDICO | FALE CONOSCO | CSCSTV (vídeos)
img

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

img

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Nome:
Email:
Confirme seu cadastro:
Nome:
(DDD)
Confirme seu cadastro:
Operação prende 26 policiais de MG por envolvimento com jogos de azar
Publicado em 11/11/2020 11:11

Segundo o MP, a organização criminosa contava com 15 militares e 11 civis, que atuavam na exploração de jogos do bicho, além de cometer vários crimes.

(Foto: Reprodução/RecordTVMinas)
Vinte e seis policiais, 15 deles militares e outros 11 civis foram presos durante a terceira fase da operação Hexagrama, deflagrada pelo Ministério Público de Minas Gerais, suspeitos formar uma organização criminosa que atuava na exploração de jogos de azar. 

A operação do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), aconteceu em Belo Horizonte, e outras nove cidades da região metropolitana.
Quatro promotores de Justiça, 62 policiais militares da Corregedoria Geral da PM e 70 policiais civis da Corregedoria Geral da Polícia Civil trabalharam para cumprir 33 mandados de prisão e 60 de busca e apreensão. 
De acordo com o promtor de Justiça, Peterson Queiroz, os presos são suspeitos de cometer vários crimes.
— A organização crimonosa é investigada pelos crimes de corrupção ativa, corrupção passiva, exploração ilegal de jogos de azar, homicídios, extorsão, ameaça, lesão corporal, dano ao patrimônio, obstrução de cadáver, comércio ilegal de arma de fogo restrita e assessórios, disparo de arma de fogo em via pública e lavagem de dinheiro. 
Ainda segundo o promotor, todos os crimes investigados têm ligação com os jogos de azar. 
— Todos esses crimes estão ligados ao jogo de azar e são uma forma de manter aquele negócio [jogo de azar] funcionando. Esse caso de homicídio, por exemplo, foi um extermínio de um concorrente. 
Terceira fase
Nesta terceira fase da operação foram identificados 32 novos integrantes da organização criminosa, entre eles 18 policiais militares e 12 civis. Entre os mandados de prisão, dois são contra candidatos ao cargo de vereador em Belo Horizonte e em Ribeirão das Neves, na Grande BH.
Segundo o MP, um dos suspeitos foi preso em flagrante, em casa, por posse ilegal de munição. O outro candidato não pôde ser detido por causa da lei eleitoral. 
— Os policiais envolvidos na organização tinham a participação de fazer a segurança do líder da organização, fazer escoltas, fazer ameças a concorrentes, destruir máquinas de concorrentes, e alguns recebiam dinheiro simplesmente para ficarem calados.
Operação
Na primeira fase, em março deste ano, 14 pessoas foram presas envolvidas na exploração de jogos de azar em Belo Horizonte e região metropolitana, incluindo o líder. De acordo com o promotor de Justiça, Rafael Fernandes, as investigações continuam. 
— Todas as instituições, infelizmente, estão sujeitas a contar com pessoas que não honrram as instituições, e essa apuração tem que ser constante e eu tenho certeza que esssa operação será um marco significativo na depuração das instituições.
Fonte: Hellen Oliveira - Record TV Minas

MAIS NOTÍCIAS
Dupla é presa suspeita de portar arma de fogo ilegal em bairro de BH

No bairro São Gabriel, na região Nordeste de Belo Horizonte, dois homens foram presos com armas de fogo. Um dos suspeitos é irmão de um criminoso já conhecido pela Polícia Militar.

Fonte: R7 MG no...Leia mais.

Homem usa remédio para causar aborto em companheira durante o sexo e é preso em flagrante

Na noite do dia 14 de novembro, um sábado, Tamires, 32, que preferiu não ter o sobrenome divulgado, fez sexo com Giuliano Augusto Trondoli Cunha, com quem se relacionava desde janeiro deste ano. Na ocasião, Giuliano Trondoli...Leia mais.

Polícia Civil prende quatro suspeitos de homicídio em ocupação em Belo Horizonte

Três homens e uma mulher, com idades entre 20 e 30 anos, suspeitos de cometerem um homicídio foram presos em Belo Horizonte na última segunda-feira (23). Segundo informações repassadas pela Polícia Civil...Leia mais.

Homem é preso após fazer a ex refém e ameaçar matá-la em Venda Nova, em BH

A Polícia Militar prendeu na manhã desta quinta-feira (26) um homem de 38 anos suspeito de fazer a ex-namorada refém. O crime ocorreu por volta de 3h40 no Bairro Jardim Leblon, Região de Venda Nova.

Segundo o...Leia mais.

PM prende suspeito de tráfico e apreende drogas no Morro das Pedras, na Região Oeste de BH

A Polícia Militar (PM) prendeu um homem suspeito de tráfico e apreendeu drogas e uma pistola, nesta quinta-feira (26), no Morro das Pedras, na Região Oeste de Belo Horizonte.

De acordo com a PM, a prisão e as...Leia mais.

VER TODAS AS NOTÍCIAS
Redes Sociais
Centro Social dos Cabos e Soldados PM/CBM-MG - Rua Dom Oscar Romero, nº 500 - Belo Horizonte - Minas Gerais
Central de atendimento ao Sócio cscs@cscs.org.br | Fone Sede Social: (31) 3371-6563
© 2020 | Assessoria de Comunicação - CSCS PMCBM-MG