Home | Plataforma CSCS | Webmail | Documentos | Dúvidas Frequentes | Facebook | Instagram | Fale Conosco
HOME | INSTITUCIONAL | ASSOCIE-SE JÁ! | SERVIÇOS OFERECIDOS | HOTÉIS DE TRÂNSITO | REGIONAIS | POUSADAS | CASA DE APOIO | PROTEÇÃO AUTOMOTIVA | JURÍDICO | FALE CONOSCO | CSCSTV (vídeos)
img

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

img

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Nome:
Email:
Confirme seu cadastro:
Nome:
(DDD)
Confirme seu cadastro:
Comando de Policiamento da Capital divulga balanço final da Operação Guardião Belo-Horizontino
Publicado em 24/07/2019 16:07

(Foto: Divulgação / PMMG)

Em 24 horas de operação policial visando a prevenção e a repressão de crimes em Belo Horizonte, a Polícia Militar, por intermédio do Comando de Policiamento da Capital (CPC), com apoio do Comando de Policiamento Especializado (CPE), prendeu/apreendeu 138 pessoas, dentre as quais 15 eram foragidas da justiça.

A operação, denominada “Guardião Belo-horizontino”, foi desencadeada em toda cidade e refletiu em uma redução de 59,7% de crimes violentos. Só em relação ao crime de roubo a queda foi de 58,8%. Com relação a furtos, houve redução de 28,5%.

Um dos grandes destaques das intervenções realizadas foi o combate ao crime de tráfico de drogas e crimes organizados por quadrilhas que comandam o narcotráfico, o que resultou na apreensão de 14 tabletes e 629 buchas de maconha (total aproximado de 14kg da droga); 314 invólucros com cocaína, além de 112 pedras de crack.

As atuações policiais coordenadas e a ocupação de pontos estratégicos proporcionaram a abordagem de 3.057 pessoas em atitude suspeita e 1.897 veículos suspeitos, sendo retiradas de circulação 02 armas de fogo em condições irregulares. Além disso, foram apreendidas 75 máquinas de caça-níquel e um total de R$ 15.322,56 em espécie, provenientes de crimes e contravenções, dentre os quais havia inclusive notas falsas.

Também foram recuperados 14 celulares com queixa-crime e de procedência duvidosa, além de 150 cartões magnéticos que seriam utilizados em golpe de estelionato e que poderiam macular a conta bancária e o patrimônio de pessoas inocentes.

”Nas 24 horas de trabalho da Polícia Militar, em Belo Horizonte, o principal objetivo da Instituição foi intensificar ações que previnam o crime, preservem a vida, a incolumidade física e patrimônio da comunidade ordeira. O Comando de Policiamento da Capital continua com o firme propósito em prol da preservação da ordem pública e segurança do cidadão belo-horizontino, empenhando todos os seus esforços para melhor servir e proteger a capital mineira”, afirmou o Coronel Anderson de Oliveira, Comandante do CPC. ”

Fonte: AR Com Org 1ª RPM

Redes Sociais
Centro Social dos Cabos e Soldados PM/CBM-MG - Rua Dom Oscar Romero, nº 500 - Belo Horizonte - Minas Gerais
Central de atendimento ao Sócio cscs@cscs.org.br | Fone Sede Social: (31) 3371-6563
© 2020 | Assessoria de Comunicação - CSCS PMCBM-MG