Home | Plataforma CSCS | Webmail | Documentos | Dúvidas Frequentes | Facebook | Instagram | Fale Conosco
HOME | INSTITUCIONAL | ASSOCIE-SE JÁ! | SERVIÇOS OFERECIDOS | HOTÉIS DE TRÂNSITO | REGIONAIS | POUSADAS | CASA DE APOIO | PROTEÇÃO AUTOMOTIVA | JURÍDICO | FALE CONOSCO | CSCSTV (vídeos)
img

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

img

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Nome:
Email:
Confirme seu cadastro:
Nome:
(DDD)
Confirme seu cadastro:
Homem é preso por manter esposa em cárcere privado por duas semanas em BH
Publicado em 04/07/2019 15:07

Segundo a polícia, a vítima era constantemente ameaçada pelo suspeito, inclusive com uma garrucha artesanal calibre 38.

(Foto: Reprodução/Google Street View)

Militares do 34º Batalhão da Polícia Militar prenderam um homem de cerca de 30 anos acusado de manter a mulher em cárcere privado por aproximadamente 15 dias. Ela era mantida dentro de um barracão localizado no Bairro Jardim São José, na Região da Pampulha, em Belo Horizonte.

Segundo informações da polícia, o suspeito privou a liberdade da vítima depois que ela passou alguns dias na casa do pai. O acusado, conforme a polícia, tem longo histórico de agressões contra a mulher.

Ao chegar ao local do fato, após receber a denúncia, a PM logo conversou com o suspeito. Ele tentou despistar, mas depois, segundo a guarnição, assumiu que a vítima estava aos fundos.

A casa da família está localizada na rua, mas o homem mantinha a vítima presa em um barracão situado em uma oficina, onde ele trabalha fabricando xícaras. Quando teve acesso à mulher, a polícia constatou que ela estava muito assustada e com uma garrucha calibre 38, de fabricação artesanal, em sua posse.

De acordo com a corporação, o suspeito obrigou a mulher a segurar a arma, que era usada por ele para ameaçá-la. Ainda segundo a PM, a vítima não podia fazer atividades de rotina, como levar o filho de 6 anos à escola.

A guarnição finalizou a ocorrência na Delegacia Especializada de Crimes Contra a Mulher, no Bairro Barro Preto, Região Centro-Sul de BH.

Fonte: Gabriel Ronan – Estado de Minas

MAIS NOTÍCIAS
COMUNICADO IMPORTANTE – PRORROGAMOS A DATA DA SUSPENÇÃO DAS ATIVIDADES EM PREVENÇÃO AO CORONAVÍRUS

A diretoria do Centro Social dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CSCS PM/CBM-MG), decidiu, diante do atual cenário e atendendo as recomendações dos órgãos...Leia mais.

COMUNICADO – PLANTÃO ESPECIAL DO DEPARTAMENTO JURÍDICO

A diretoria do Centro Social dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CSCS PM/CBM-MG), COMUNICA que, mesmo trabalhando com equipe reduzida na administração da...Leia mais.

Nota de Luto - CSCS PM/CBM-MG

A diretoria do Centro Social dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CSCS PM/CBM-MG) lamenta a morte da D. Helena Pereira Sutério, de 87 anos, mãe do nosso diretor de...Leia mais.

COMUNICADO IMPORTANTE – SUSPENSÃO DAS ATIVIDADES E PREVENÇÃO AO CORONAVÍRUS

A diretoria do Centro Social dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CSCS PM/CBM-MG), decidiu, diante do cenário e do aumento exponencial da curva de pico que monitora o número de...Leia mais.

Manifestação reivindica derrubada do veto ao PL 1451/2020

A diretoria do Centro Social dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CSCS PM/CBM-MG), junto aos representantes das demais entidades de classe, deputados e lideranças da área da...Leia mais.

VER TODAS AS NOTÍCIAS
Redes Sociais
Centro Social dos Cabos e Soldados PM/CBM-MG - Rua Dom Oscar Romero, nº 500 - Belo Horizonte - Minas Gerais
Central de atendimento ao Sócio cscs@cscs.org.br | Fone Sede Social: (31) 3371-6563
© 2020 | Assessoria de Comunicação - CSCS PMCBM-MG