Home | Plataforma CSCS | Webmail | Documentos | Dúvidas Frequentes | Facebook | Instagram | Fale Conosco
HOME | INSTITUCIONAL | ASSOCIE-SE JÁ! | SERVIÇOS OFERECIDOS | HOTÉIS DE TRÂNSITO | REGIONAIS | POUSADAS | CASA DE APOIO | PROTEÇÃO AUTOMOTIVA | JURÍDICO | FALE CONOSCO | CSCSTV (vídeos)
img

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

img

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Nome:
Email:
Confirme seu cadastro:
Nome:
(DDD)
Confirme seu cadastro:
Operação prende médico suspeito de cobrar até R$ 30 mil por procedimentos pagos pelo SUS
Publicado em 07/06/2019 14:06

Médico cobrava por procedimentos realizados no Hospital Santa Isabel.

(Foto: Reprodução/Hospital Santa Isabel)

Um neurocirurgião do hospital Santa Isabel, em Ubá, no Triângulo Mineiro, foi preso na manhã desta quinta-feira (6) suspeito de cobrar de pacientes por procedimentos já pagos pelo SUS.

A prisão aconteceu durante a segunda fase da operação Sala Vermelha, comandada pelo Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) para combater o que seria uma nova modalidade de crime cometida contra pacientes do SUS no hospital.

Segundo as investigações, que começaram em janeiro deste ano, o neurocirurgião preso cobrava altos valores dos pacientes, que variavam entre R$ 5 mil e R$ 30 mil, pela realização de neurocirurgias e cirurgias de coluna, mesmo com todo o processo, entre cirurgia e internação, pago pelo SUS.

Durante a apuração dos fatos, os agentes ouviram 36 pacientes e familiares que relataram ter sido vítimas das cobranças indevidas, o que deve resultar na abertura de novas investigações já que, até o momento, três denúncias foram apresentadas à Justiça Criminal de Ubá contra o profissional.

Se condenado, o médico será enquadrado no crime de concussão, que consiste no ato de pedir vantagem indevida em razão da função ocupada. A pena pelo delito pode chegar a oito anos de prisão.

Mandados também foram cumpridos no consultório do médico, que fica no hospital, e em dois endereços residenciais ligados a ele.

A reportagem tentou contato com o hospital, mas nenhum dos telefones informados no site foi atendido.

Fonte: Daniele Franco – Hoje Em Dia

MAIS NOTÍCIAS
CSCS PM/CBM-MG reafirma: Zema não tem palavra!

A diretoria do Centro Social dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CSCS PM/CBM-MG) vem a público expressar seu repúdio à declaração dada via imprensa pelo...Leia mais.

COMUNICADO IMPORTANTE – PRORROGAMOS A DATA DA SUSPENÇÃO DAS ATIVIDADES EM PREVENÇÃO AO CORONAVÍRUS

A diretoria do Centro Social dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CSCS PM/CBM-MG), decidiu, diante do atual cenário e atendendo as recomendações dos órgãos...Leia mais.

COMUNICADO – PLANTÃO ESPECIAL DO DEPARTAMENTO JURÍDICO

A diretoria do Centro Social dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CSCS PM/CBM-MG), COMUNICA que, mesmo trabalhando com equipe reduzida na administração da...Leia mais.

Nota de Luto - CSCS PM/CBM-MG

A diretoria do Centro Social dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CSCS PM/CBM-MG) lamenta a morte da D. Helena Pereira Sutério, de 87 anos, mãe do nosso diretor de...Leia mais.

COMUNICADO IMPORTANTE – SUSPENSÃO DAS ATIVIDADES E PREVENÇÃO AO CORONAVÍRUS

A diretoria do Centro Social dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CSCS PM/CBM-MG), decidiu, diante do cenário e do aumento exponencial da curva de pico que monitora o número de...Leia mais.

VER TODAS AS NOTÍCIAS
Redes Sociais
Centro Social dos Cabos e Soldados PM/CBM-MG - Rua Dom Oscar Romero, nº 500 - Belo Horizonte - Minas Gerais
Central de atendimento ao Sócio cscs@cscs.org.br | Fone Sede Social: (31) 3371-6563
© 2020 | Assessoria de Comunicação - CSCS PMCBM-MG