Home | Plataforma CSCS | Webmail | Documentos | Dúvidas Frequentes | Facebook | Instagram | Fale Conosco
HOME | INSTITUCIONAL | ASSOCIE-SE JÁ! | SERVIÇOS OFERECIDOS | HOTÉIS DE TRÂNSITO | REGIONAIS | POUSADAS | CASA DE APOIO | PROTEÇÃO AUTOMOTIVA | JURÍDICO | FALE CONOSCO | CSCSTV (vídeos)
img

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

img

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Nome:
Email:
Confirme seu cadastro:
Nome:
(DDD)
Confirme seu cadastro:
Operação prende 61 por exploração sexual de crianças na internet
Publicado em 23/11/2018 15:11

O ministro Raul Jungmann disse que "não existe impunidade em rede social".

(Foto: Antonio Cruz / Agência Brasil)

Operação que visa coibir exploração sexual infantil na internet prende 61 pessoas, segundo balanço divulgado nesta quinta-feira (22) pelo ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann. As ações seguem até esta sexta-feira (23) e mais pessoas podem ser detidas.

“Queremos deixar claro aquilo que já disse anteriormente: não existe anonimato em rede social, não existe impunidade em rede social e a Polícia Federal tem condições de chegar a quem cometer esses crimes”, disse o ministro em coletiva de imprensa.

Segundo o ministro, a operação busca não apenas aqueles que produzem esse tipo de conteúdo, mas também quem compartilha e quem guarda os arquivos no computador. A pena prevista para os crimes variam de 2 a 8 anos de prisão. Jungmann diz que os mandados de busca e apreensão foram expedidos após análise de 500 mil arquivos.

Esta é a terceira fase da Operação Luz na Infância, que foi deflagrada nesta quinta-feira (22) em 18 estados e no Distrito Federal. Ao todo, 300 policiais federais e 725 policiais civis participam das ações.

Pela primeira vez, a operação contou com apoio internacional dos Estados Unidos e da Argentina. “Esse é um crime asqueroso porque ele macula e profana a nossa juventude e as nossas crianças. Evidentemente isso as compromete e compromete também o nosso futuro”, disse Jungmann.

Luz na Infância

A Operação Luz na Infância teve início em outubro de 2017, quando foram cumpridos 157 mandados e 112 abusadores foram presos. Na segunda fase, ocorrida em maio de 2018, 579 mandados de busca foram cumpridos e 251 pessoas foram presas.

Fonte: Agência Brasil

MAIS NOTÍCIAS
CSCS PM/CBM-MG reafirma: Zema não tem palavra!

A diretoria do Centro Social dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CSCS PM/CBM-MG) vem a público expressar seu repúdio à declaração dada via imprensa pelo...Leia mais.

COMUNICADO IMPORTANTE – PRORROGAMOS A DATA DA SUSPENÇÃO DAS ATIVIDADES EM PREVENÇÃO AO CORONAVÍRUS

A diretoria do Centro Social dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CSCS PM/CBM-MG), decidiu, diante do atual cenário e atendendo as recomendações dos órgãos...Leia mais.

COMUNICADO – PLANTÃO ESPECIAL DO DEPARTAMENTO JURÍDICO

A diretoria do Centro Social dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CSCS PM/CBM-MG), COMUNICA que, mesmo trabalhando com equipe reduzida na administração da...Leia mais.

Nota de Luto - CSCS PM/CBM-MG

A diretoria do Centro Social dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CSCS PM/CBM-MG) lamenta a morte da D. Helena Pereira Sutério, de 87 anos, mãe do nosso diretor de...Leia mais.

COMUNICADO IMPORTANTE – SUSPENSÃO DAS ATIVIDADES E PREVENÇÃO AO CORONAVÍRUS

A diretoria do Centro Social dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CSCS PM/CBM-MG), decidiu, diante do cenário e do aumento exponencial da curva de pico que monitora o número de...Leia mais.

VER TODAS AS NOTÍCIAS
Redes Sociais
Centro Social dos Cabos e Soldados PM/CBM-MG - Rua Dom Oscar Romero, nº 500 - Belo Horizonte - Minas Gerais
Central de atendimento ao Sócio cscs@cscs.org.br | Fone Sede Social: (31) 3371-6563
© 2020 | Assessoria de Comunicação - CSCS PMCBM-MG