Home | Plataforma CSCS | Webmail | Documentos | Dúvidas Frequentes | Facebook | Instagram | Fale Conosco
HOME | INSTITUCIONAL | ASSOCIE-SE JÁ! | SERVIÇOS OFERECIDOS | HOTÉIS DE TRÂNSITO | REGIONAIS | POUSADAS | CASA DE APOIO | PROTEÇÃO AUTOMOTIVA | JURÍDICO | FALE CONOSCO | CSCSTV (vídeos)
img

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

img

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Nome:
Email:
Confirme seu cadastro:
Nome:
(DDD)
Confirme seu cadastro:
Suspeito por estuprar a cunhada, homem deixa a cadeia e mata a filha em SP
Publicado em 04/10/2018 10:10

Crime aconteceu na quarta (3), em São Roque, um dia após acusado sair da prisão.

(Foto: Reprodução / Facebook)

Um homem é procurado pela polícia em São Roque, no interior de São Paulo, suspeito de matar a filha de 13 anos a facadas na madrugada desta quarta-feira (3). Horácio Nazareno Lucas, de 28 anos, deixou a prisão na manhã de terça-feira (2), onde estava após ser suspeito de abuso da cunhada em 2012. Ele também já havia sido denunciado por estuprar a adolescente em 2017.

Segundo relatos de testemunhas à Polícia Civil, Horácio foi à casa da ex-mulher na noite da última terça-feira (2) para pedir que ela retirasse a queixa de estupro contra ele. Ao ver que ela pretendia chamar a polícia, o homem começou a agredi-la, mas a mulher conseguiu fugir para pedir ajuda aos vizinhos.

“Quando ele falava, percebeu que a ex-mulher havia escondido o celular para chamar a polícia e a agrediu com um soco no rosto. Depois, tentou estrangulá-la”, afirmou o delegado Marcelo Pontes ao Agora.

Neste momento, o suspeito ficou sozinho com os dois filhos, Letícia Tanzi, de 13 anos, e um menino de seis anos. Ele, então, trancou o mais novo em um quarto e atacou a menina. O menor conseguiu fugir e encontrou um carro da Polícia Militar na rua.

Quando entraram na casa, os policiais encontraram Letícia ferida e inconsciente no chão da sala. Ela foi socorrida e levada à Santa Casa da cidade, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na madrugada.

Horácio havia saído da cadeia naquela manhã para responder em liberdade. Ele estava preso desde julho deste ano, condenado por estuprar a cunhada em 2012. Depois da prisão, a família descobriu que ele também abusava de Letícia desde 2017 e registrou um boletim de ocorrência, o que gerou a briga.

A mãe também foi levada ao hospital e fez exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML) da cidade para registrar as agressões. As polícias Civil e Militar estão à procura de Horácio.

Fonte: Lucas Borges Teixeira – Folha de S. Paulo

Redes Sociais
Centro Social dos Cabos e Soldados PM/CBM-MG - Rua Dom Oscar Romero, nº 500 - Belo Horizonte - Minas Gerais
Central de atendimento ao Sócio cscs@cscs.org.br | Fone Sede Social: (31) 3371-6563
© 2019 | Assessoria de Comunicação - CSCS PMCBM-MG