Home | Plataforma CSCS | Webmail | Documentos | Dúvidas Frequentes | Facebook | Instagram | Fale Conosco
HOME | INSTITUCIONAL | ASSOCIE-SE JÁ! | SERVIÇOS OFERECIDOS | HOTÉIS DE TRÂNSITO | REGIONAIS | POUSADAS | CASA DE APOIO | PROTEÇÃO AUTOMOTIVA | JURÍDICO | FALE CONOSCO | CSCSTV (vídeos)
img

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

img

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Nome:
Email:
Confirme seu cadastro:
Nome:
(DDD)
Confirme seu cadastro:
Agências bancárias de Marilac são atacadas durante a madrugada e bandidos fogem sem levar dinheiro
Publicado em 02/10/2018 15:10

A agência do Bradesco na cidade ficou destruída após a explosão.

(Foto: Reprodução / Facebook)

Agências bancárias do Bradesco e do Sicoob foram atacadas por criminosos, na madrugada desta segunda-feira (1º), em Marilac, no Vale do Rio Doce. Apesar dos estragos, nenhuma quantia foi levada e ninguém foi preso.

De acordo com informações da Polícia Militar (PM), moradores acionaram a corporação, por volta das 3h, após ouvirem um barulho de explosão. Ao chegarem à agência do Bradesco, os militares encontraram o local parcialmente destruído, com estilhaços espalhados pela rua. Em seguida, os policiais se dirigiram a outra agência bancária do município e notaram que a porta de entrada do Sicoob foi arrombada. Porém, não foi contatado outros danos no local.

Ainda de acordo com a PM, testemunhas relataram que três homens chegaram em um carro Chevrolet Agile, de cor prata. Os suspeitos foram primeiro no Sicoob e, ao arrombarem a porta, foram surpreendidos pelo sistema de segurança da agência, que liberou fumaça no interior do prédio, levando os assaltantes a se dirigirem até ao Bradesco, onde os bandidos entraram e saíram rapidamente. A polícia acredita que, mesmo com a explosão, o grupo não tenha conseguido arrombar os cofres. O trio, então, entrou no carro e fugiu em direção à rodovia MGC-451, em sentido a Governador Valadares.

Segundo a polícia, o carro utilizado pelos suspeitos foi encontrado, abandonado, às margens da rodovia, há sete quilômetros da entrada da cidade. A PM segue com os trabalhos de rastreamento aos suspeitos.

Fonte: Janio Fonseca – Hoje Em Dia

Redes Sociais
Centro Social dos Cabos e Soldados PM/CBM-MG - Rua Dom Oscar Romero, nº 500 - Belo Horizonte - Minas Gerais
Central de atendimento ao Sócio cscs@cscs.org.br | Fone Sede Social: (31) 3371-6563
© 2019 | Assessoria de Comunicação - CSCS PMCBM-MG