Home | Plataforma CSCS | Webmail | Documentos | Dúvidas Frequentes | Facebook | Instagram | Fale Conosco
HOME | INSTITUCIONAL | ASSOCIE-SE JÁ! | SERVIÇOS OFERECIDOS | HOTÉIS DE TRÂNSITO | REGIONAIS | POUSADAS | CASA DE APOIO | PROTEÇÃO AUTOMOTIVA | JURÍDICO | FALE CONOSCO | CSCSTV (vídeos)
img

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

img

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Nome:
Email:
Confirme seu cadastro:
Nome:
(DDD)
Confirme seu cadastro:
Homem mata suspeito de estuprar menina de 10 anos em Montes Claros
Publicado em 28/08/2018 11:08

O autor do homicídio, que resolveu fazer “justiça com as próprias mãos”, é o padrasto da garota.

(Foto: Luiz Ribeiro / EM / D.A.Press)

Um homem de 62 anos foi morto a facadas nesta segunda-feira, em Montes Claros, na Região Norte de Minas, depois da descoberta de que ele estava abusando sexualmente de uma menina de 10 anos. O aposentado foi assassinado no Bairro Jardim Brasil. O autor do homicídio, que resolveu fazer “justiça com as próprias mãos”, é o padrasto da garota. Ele foi preso.

O homem assassinado já tinha sido preso pela Polícia Militar (PM) há alguns anos pelo mesmo crime de violência sexual. A mãe da garota abusada revelou que também foi vítima de estupro praticado pelo mesmo homem quando tinha 10 anos de idade. Ela disse que, na época, relatou o fato para seus familiares. “Mas, como era um parente (o autor), por “questão de família”, ninguém me deu ouvido”, declarou a mulher.

De acordo com informações levantadas pela PM, o homem vinha abusando sexualmente da criança há alguns meses. A menina não contava o caso para ninguém com medo de represálias por parte do autor. Mas, no último fim de semana, a criança relatou o fato para uma vizinha, que repassou a informação para a mãe da garota.

Na manhã desta segunda-feira, ao retornar de viagem a trabalho, o padrasto tomou conhecimento por parte da companheira de que a enteada vinha sendo abusada sexualmente. Revoltado, pegou uma faca e se dirigiu até um barracão perto de sua casa, onde o homem morava sozinho. Lá, encontrou o aposentado em um sofá.

A mãe da criança relata que, ao perceber que o companheiro estava muito exaltado, tentou impedir que ele cometesse o crime. Ela relatou que acompanhou ele até o barracão e chegou a pedir para dono da casa não abrir a porta. Alegou também que chegou a pedir orientação a uma advogada parente dela e que tinha a intenção de ligar para a PM. Porém, não conseguiu evitar a ação. O homem foi atingido no ombro, nas costas e no pulso direito.

Após o crime, o homem abandonou a faca perto de sua casa, em uma rua do Bairro Jardim Brasil e fugiu. Ele foi detido pela PM horas depois, na Praça Doutor Carlos, no Centro de Montes Claros, e confessou que assassinou o aposentado. A suspeita é que o homem assassinado teria praticado abusos contra outras crianças, recentemente.

A mãe da menina de 10 anos disse que o suspeito do abuso sexual também costumava tirar fotos de suas vítimas. A mulher contou que, na época que também tinha 10 anos e foi abusada pelo mesmo homem, ele tirou fotos dela. Ela revelou, ainda, que descobriu que a filha estava sendo abusada sexualmente porque a menina passou a apresentar comportamento estranho. “Ela ficou tristinha, chorando pelos cantos. Quando perguntamos a ela, contou o que ocorreu", declarou.

Fonte: Luiz Ribeiro – Estado de Minas

Foto: Luiz Ribeiro / EM / D.A.Press
MAIS NOTÍCIAS
Jurídico do CSCS recebe elogio de associado

A assessoria jurídica da Sede do Centro Social dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CSCS PM/CBM-MG) obteve, mais uma vez, sucesso em processo judicial, em Belo Horizonte.

O...Leia mais.

Deputados e Entidades de Classe da segurança pública convocam as mobilizações também para o interior de MG

Nesta quinta-feira, 7 de março, durante a reunião com os deputados Sargento Rodrigues e Subtenente Gonzaga, juntamente com Cel Mendonça,
entidades de Classe da segurança pública - CSCS, ASPRA, ASCOBOM,...Leia mais.

Diretoria do CSCS reinaugura casa de apoio em BH

Pensando no conforto e comodidade de seus associados e após 3 meses em reforma, a Casa de Apoio do Centro Social dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CSCS PM/CBM-MG), localizada em...Leia mais.

Dirigentes do CSCS participaram de manifestação no centro da capital

Durante nomeação dos deputados estaduais na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), na tarde desta sexta-feira (01), diversas entidades de classes, que representam os servidores públicos do estado,...Leia mais.

CSCS convoca servidores públicos para a manifestação do dia 01 de fevereiro

O Centro Social dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CSCS PM/CBM-MG) como representante de classe dos militares e junto às demais categorias da segurança pública do...Leia mais.

VER TODAS AS NOTÍCIAS
Redes Sociais
Centro Social dos Cabos e Soldados PM/CBM-MG - Rua Dom Oscar Romero, nº 500 - Belo Horizonte - Minas Gerais
Central de atendimento ao Sócio cscs@cscs.org.br | Fone Sede Social: (31) 3371-6563
© 2019 | Assessoria de Comunicação - CSCS PMCBM-MG